resep kue kering

resep kue

Pular navegação.
Início
Universidade Estadual de Maringá

Obstáculos da pedagogia histórico-crítica no cotidiano da escola

 

ESGOTADO

ISBN: 978-85-7628-436-9
Formato: 21,5 x 15,5 cm
Número de páginas: 253 páginas
Ano de Publicação: 2012
Edição: 1ª Edição
Assunto: Pedagogia
Tipo de Encadernação: Brochura
Autor: Carlos Henrique Ferreira Magalhães
Preço: Divulgação

 

Sinopse: A partir do levantamento de documentos, das observações de reuniões na Secretaria Municipal de Educação, e na escola investigada, do VI Encontro de Educação, das entrevistas realizadas com as professoras na escola, assim como com o Secretário Municipal de Educação e seus assessores, com o estudo da história da economia política desse município, do Paraná e do Brasil, entendemos que o aspecto  fundante do ser social, seu trabalho, construído historicamente no tempo passado, atua no tempo presente como um fantasma. Os aspectos econômicos e extra-econômicos atuam, continuamente e contraditoriamente, na formação do ser social. As condições precárias na formação inicial e das formações continuadas das professoras, a organização da prática escolar em gestões anteriores com características neoescolanovistas, a ausência de condições objetivas no tempo presente para o desenvolvimento da prática escolar emancipatória, o pensamento idealista a respeito do Estado, do trabalho estranhado e do capital, entre outros fatos correspondem às múltiplas determinações que desafiam a objetivação de uma prática escolar emancipatória ou da Pedagogia Histórico-Crítica, na atual história, como luta de classes. Concluímos que os entraves para a objetivação da Pedagogia Histórico-Crítica se encontram nas condições objetivas da cotidianidade, promovidas pela atual sociabilidade capitalista, assim como nas condições subjetivas do estranhamento do corpo docente. Urge ao corpo docente a necessidade de buscar o seu vir a ser conjuntamente com outros movimentos extra-parlamentares na organização de uma política radical. Assim, talvez, poderemos pensar em objetivar uma prática escolar emancipatória a qual lute contra a atual pré-história em prol de uma história dos homens livremente associados.

 

 

Condições Para Doação:

Preferencialmente:

- Instituições Públicas
- Bibliotecas
- Projetos/Cursos/Pesquisas: Financiados por Instituições Públicas

Como Solicitar Doação
- Enviar e-mail
- Nome do solicitante

- CNPJ/CPF do solicitante
- Nome do Livro
- Nome do Projeto/Pesquisa
- Coordenador/Orientador
- Justificativa Pedido

ATENÇÃO: Caso tenha que enviar o livro via correio favor informar o endereço completo para cálculo da despesa postal.

E-mail para Contato: livrariaeduem@uem.br